Tag Archives moda plus size

Minha participação no desfile da Mirasul no FWPS

por

A segunda marca pela qual desfilei no FWPS foi a Mirasul, que trouxe a proposta de vestir uma mulher moderna e urbana, com peças fáceis de se combinar e que podem ser usadas para o trabalho ou momentos de lazer e divertimento. A grife é do Sul do país, e vem crescendo cada dia mais e se mostrando super competitiva dentro do mercado plus size. Eu usei duas peças curingas, uma camisa branca com mangas diferenciadas e uma saia preta reta que trazia de novidade na parte da frente, um imenso zíper aplicado na diagonal. A camisa é de um tecido bem leve e fresquinho, e que super combina com o verão, e a saia é de um tecido encorpado, porém leve, e que dá a impressão de ter aplicação de acetinado, pois tem um brilho discreto e super bonito.

13925747_10208042480718590_6753815035393924250_o (1) 13667815_10208042482718640_830088582833214442_o (1)13641243_10208042496798992_4738957990386370695_o 13874553_1697080483887207_859155162_n13867039_1697080497220539_1140121863_n

13667873_10208042509919320_4683740242081086701_o13871944_1697080540553868_1606358946_n 13872362_1697080520553870_491997975_n

Abaixo um pocket vídeo da minha participação no desfile, espero que gostem:

Até a próxima!

Minha participação no FWPS no desfile da Maria Abacaxita

por

No último domingo, aconteceu no Centro de Convenções Frei Caneca em São Paulo, mais uma edição do FWPS (Fashion Weekend Plus Size), trazendo os lançamentos e tendências para o verão/2107. Várias marcas conceituadas no cenário plus size participaram e trouxeram muitas novidades. E uma grande novidade também, foi a apresentação da nova marca Maria Abacaxita, da Renata Poskus, idealizadora do evento. Na verdade, mais do que uma marca plus size, a Maria Abacaxita é descrita como uma marca Fun Size, por conseguir traduzir a alegria e a doçura de meninas e mulheres de todos os tamanhos.  A  proposta da marca é trazer divertimento, espontaneidade e muitas cores, em peças com uma pegada de irreverência e uma atitude jovem que cai bem não somente nas mais novinhas, mas em mulheres que assim como eu, tenham o espírito jovem e leve. As roupas traziam estampas de frutas como melancias, bananas e não poderiam faltar os abacaxis, assim como flores, listras, poás, criando um visual muito alegre e divertido. Fui convidada para desfilar pela marca e a proposta era entrar com uma saia por cima de um vestidinho tubinho preto, e ao chegar bem à frente, próximo dos fotógrados e imprensa, retirar a saia. É claro que todo mundo adorou a surpresa, pois tudo foi feito de uma forma bem moleca e brejeira, deixando de lado a sedução e abraçando o lado mais lúdico do momento. Logo depois ter retirado a saia, com um sinal eu faço um não, a recoloco em seu lugar e caminho em direção à saída da passarela. Foram vários looks maravilhosos da marca, vários, mas agora quero compartilhar com vocês, apenas as fotos da parte em que participei:

13776043_10207113532580183_8961448323090483635_n13738110_1353747451320591_8833912445486575300_o13710525_1353747954653874_2161767116348875912_o13731995_1353746977987305_3129045826673093378_o13731947_1353747477987255_1912422264794004399_o13738083_1353747197987283_7669037120645002641_o13737466_1353748387987164_2994815716995676629_o13717344_1353748131320523_1387117794150073697_o13725072_1353747244653945_6390477554120689830_o13723987_1353748504653819_5290731050647424381_o13717227_1353747324653937_6371173308101463782_o13708408_1353748521320484_7575655559667655766_o 13698042_1353747887987214_4588325233475092741_o13725050_1353747707987232_4355383888197676142_o13708232_1353748284653841_5720886882799215181_o13737661_1353747934653876_6666674994057233656_o

Também fizemos um pequeno vídeo com o momento da minha participação e gostaria muito que assistissem:

Enfim, foram momentos maravilhosos e que eu guardarei para sempre no meu coração. Desejo todo o sucesso à Maria Abacaxita e  que ela continue nos brindando com roupas assim,  cheias de alegria e beleza. As peças do desfile ainda não estão na loja virtual, mas já dá para encontrar muita coisa bonita por lá, deem uma passadinha para dar uma olhada:

www.abacaxita.com.br

Minha participação no Hashtag Bazar

por
No sábado passado, dia 14, aconteceu aqui no Rio de Janeiro a primeira edição do Hashtag Bazar e o local escolhido foi o ICE (Instituto Carioca de Educação), que fica na zona sul, no Flamengo. O salão onde ocorreu o evento é nos fundos da Instituição, e é um espaço bem agradável com banheiros amplos com espelhos (inclusive de corpo inteiro), que facilitam muito na hora de experimentar as peças. E falando em espelho, no salão havia um enorme, que foi super bem aproveitado, já que foi montado um espaço de cabeleireiro para cortes e penteados. Com relação aos expositores, havia bastante coisas interessantes e bonitas, com preços atraentes, e o legal desse tipo de evento, é que você não vai ouvir que não tem do seu tamanho, porque o foco mesmo era o plus size. A gente sente que houve um carinho muito grande por parte de quem participou, pois levaram peças lindas e tinha gente que veio de bem longe, com as malas abarrotadas de novidades para deixar o público ainda mais feliz. Eu fico muito satisfeita quando vejo essas iniciativas, porque é uma ótima oportunidade de comprar peças de lojas de outros estados com preços mais em conta, livres do frete e da má vontade e demora dos Correios. É só olhar, experimentar, gostar e levar! O evento contou também com uma mesa redonda com vários blogueiros e figuras atuantes no movimento plus size da qual participei, que tratou de temas relacionados à gordofobia e bullying nas redes sociais, e sem dúvida alguma, cada um de nós colocou seu ponto de vista, mas também aprendeu muito. Também houve a iniciação do Workshop de auto estima “Despertar” da modelo plus size Aline Bittencourt que tem sempre uma palavra especial para compartilhar. Fiquei feliz pois encontrei muita gente boa e desejo que venham mais e mais edições desse bazar!

A organizadora do evento, Larissa, está de parabéns, pois conseguiu criar um evento acolhedor num ambiente super organizado e democrático.  Quem não pode comparecer, não precisa ficar triste, pois a próxima edição já está marcada, será no dia 25 de junho no mesmo local, e dessa vez, contará também com expositores de moda em tamanhos convencionais, além dos já conhecidos (e amados) expositores de moda plus size.

E aproveitando a oportunidade, eu gravei um vídeo entrevistando as talentosas Thaís Oliveira, que tem se destacado muito no segmento plus size, com sua militância e vários títulos em concursos de beleza, e com a Terapeuta Sexual Daniela Maggah, que faz um trabalho super especial na dupla “Dani Candy e Dani Hot”, que são duas coelhinhas plus size, que abrilhantam feiras e eventos Brasil afora. Enfim, valeu super a pena ter ido e recomendo que não faltem no próximo, pois ao que tudo indica, mais uma vez, vai arrasar!

Aproveitem para acompanhar as novidades na página do evento no Facebook.
Até a próxima!

Por que a moda não enxerga os negros?

por
Quem está do lado de fora da situação, talvez diga que eu estou de mi mi mi. Mas gostaria de deixar registrado o meu desejo de ver os negros inseridos da forma que merecem, no mercado da moda e da beleza. E mesmo no chamado segmento plus size que deveria ser um elo de luta e resistência contra o preconceito, acaba se fechando muitas vezes dentro de um mundinho onde só as modelos de pele mais clara conseguem estar em evidência. São raras as lojas que utilizam modelos negras em seus catálogos, editoriais e desfiles, e isso é algo muito sério, se considerarmos que a população negra no Brasil está em torno de 54%. O que está acontecendo que nos tornamos invisíveis, o que temos que fazer para nos enxergarem como parte disso tudo? Por mais que eu me questione, não encontro respostas, aliás, o que a gente que é negro recebe como resposta, é que isso é coisa da cabeça da gente. Ao mesmo tempo que aqui no Brasil as coisas estão num nível de complicação extrema, no exterior vemos modelos negras belíssimas fazendo sucesso. E a coisa não é encarada como um favor, como uma participação por cotas, porque existe uma obrigatoriedade, nada disso. Em várias partes do mundo, modelos negras são vistas como quaisquer outras modelos e são valorizadas e remuneradas da mesma forma. 

Também questiono a qualidade do trabalho visual apresentado aqui no Brasil, pois grande parte dos maquiadores não sabe maquiar a pele negra corretamente, e muitos fotógrafos dizem ter dificuldade em fotografar pessoas negras. Sinto falta de ver ensaios glamourosos e super femininos como essas imagens abaixo, que são da Lany Bryant, uma loja internacional de moda feminina plus size, que sempre arrebenta. Eu acho essa modelo linda, acho as roupas da loja maravilhosas e a proposta desse editorial é fantástica e faz muito o meu estilo, por isso ilustrei essa postagem com essas imagens belíssimas. Enfim, acho que falta um verdadeiro comprometimento das indústrias da moda e beleza com a população negra, que apesar de viver esquecida e negligenciada, continua consumindo seus produtos cada vez mais, e hoje representa uma fatia polpuda do mercado. Pelo que tenho percebido, as coisas tem “até” caminhado, mas à passos tão tímidos, que quase não vemos evolução alguma. Está mais do que na hora de darmos um start nessa situação, porque precisamos, temos a necessidade, de nos vermos representadas nas modelos que estampam os catálogos e sites das lojas em que compramos. E espero sinceramente, que o segmento plus size comece a rever seus conceitos e enxergue as várias negras que tem potencial para serem modelos, porque eu mesma conheço várias. 
Espero que as coisas mudem o quanto antes, mas enquanto não mudam, vou fazendo a minha parte lutando sempre para que o preconceito não consiga vencer e nem se fortalecer, nunca! Sem vitimismo algum, apenas ciente e consciente do nosso papel dentro da sociedade.
Até a próxima!

Look da Vez: Conjunto branco e preto

por
Quem me acompanha por aqui no blog, sabe que eu tenho uma preferência por vestidos. Mas de uns tempos para cá, tenho investido em algumas saias e blusas, mas por enquanto, de forma tímida, tipo, eu compro três, quatro vestidos, para cada saia e blusa. Mas confesso que tenho gostado bastante. No look de hoje, eu quero mostrar esse conjunto de saia e blusa super bonito e que permite várias outras combinações, quando as peças são usadas de forma separada. Ele é da loja  Gullis Lingerie, que apesar do nome, vende muitos outros artigos além de lingerie, e depois de feito o pedido, ele foi postado no dia seguinte pra mim, e quando chegou, foi só alegria. Escolhi esse modelo, porque amo essa junção de preto e branco, acho chique e ao mesmo tempo, muito moderno. A blusa é feita num crepe encorpado, que não marca o sutiã, mas ao mesmo tempo tem um toque super suave. A saia é confeccionada com uma viscose mais grossinha, mas assim mesmo é forrada, e tem uma aplicação de renda guipir na barra, além de um cinto. Esse conceito de roupa mais comportada é chamada de moda evangélica e executiva, porque geralmente é o tipo de roupa onde a gente está totalmente coberta, mas ao mesmo tempo está bonita e elegante.

Esse conjunto está catalogado na categoria plus size, e vai do tamanho 46 ao 52. Faço votos que as empresas passem a fabricar peças em tamanhos maiores, pois a procura é grande, ainda mais quando as peças são de qualidade como essas. Esse tipo de roupa serve perfeitamente para eventos onde a gente tenha que estar mais arrumadinha, como um teatro por exemplo, mas também transita super bem em ambientes de trabalho mais formais, por isso, é uma roupa na qual vale super a pena investir. Ah, também fica bem legal para ser usado na igreja,   pois as evangélicas hoje em dia, capricham (e muito!) em seus looks para os cultos. Se alguém se interessar pela peça, estou deixando o link direto do produto logo abaixo, mas aproveitem para dar uma olhadinha nos outros modelos da loja, pois são vários.

Espero que tenham gostado, e até a próxima!
Conjunto Plus Size em Preto e Branco – Link Direto